quarta-feira, 4 de abril de 2012

Notas Vitorianas

Tive no último sábado a oportunidade de participar pela primeira vez em eleições vitorianas, coube ao destino fazer com que na minha primeira vez estivesse em jogo uma das mais importantes eleições da história do VSC.
O resultado final não engana ninguém, a lista vencedora venceu por larga maioria a opositora no entanto resta agora saber o que dirão os vitorianos à questão da construção de SAD. Um sim dará a oportunidade de se iniciar uma gestão cuidada e assertada, um não ditará um Vitória à deriva sem direção. Cabe agora aos vitorianos decidirem o futuro.

Ainda no fim de semana passado tive a oportunidade de regressar ao D. Afonso Henriques depois de alguns jogos em que devido a fatores profissionais me deixaram ao lado da televisão. Gostei de grande parte do jogo, e como sempre fiquei com a esperança de que o Vitória ainda pode esperar por percalços do quarto e quinto classificados visto que têm um calendário mais difícil que o nosso. Sem dúvida que Soudani deveria ter tido mais oportunidades, talvez estivéssemos melhor qualificados se assim fosse. Gostei menos do Defendi do que nos últimos jogos e pela primeira vez vi potencial no L. Olímpio.

Deixo desde já os votos de felicidades para a lista vencedora porque a felicidade deles é minha e nossa também.

4 comentários:

Filipe Fumega disse...

Estou a ver que és um Pró-SAD...
Vamos discutir muito no futuro.

Luís André Costa disse...

Não posso dizer que sou contra a construção de uma SAD mas também não sou a favor pelos riscos que eu sei que existem mas que não são mencionados.
Mas neste momento votarei sim à construção de uma SAD pois com um não geral, a SAD não é concretizada e ficamos novamente sem direção o que é o mesmo que andar a remar contra a maré.

Filipe Fumega disse...

Eu sei o queres dizer, mas olha que a ameaça de demissão do presidente não passa de chantagem.
E sinceramente eu apostaria que a SAD não passa, até olhando aos números das eleições e de muita gente que votou A mas que na altura da SAD vota contra.

O que ele quer fazer com a SAD pode fazer com clube, tem é de fazer algo que não queria, isto é, cortar nas despesas. É esta uma das grandes razões da SAD, isso e o facto de tornar o financiamento externo mais fácil.

Ou seja, a SAD apenas vai camuflar o problema e daqui a 20 anos estamos a falar do mesmo provavelmente. É quase como o Estado e as Empresas Públicas, Fundações e Parcerias Publico-Privadas, na altura todos acharam que era solução hoje em dia nem tanto.

Luís André Costa disse...

Eu sei que a questão da SAD é muito difícil de ir para a frente. Apesar da Lista A ganhar por larga maioria, está contra a construção da SAD os que votaram B, muitos que votaram A e quase todos senao todos que se abstiveram. Além disso, não sei até que ponto é verdade, mas pelo que ouvi, para a construção de uma SAD acho que são precisos 75% dos votos.